Translate

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

cuidado: vacinas abortivas mascaradas

Estão provocando abortos "espontaneos" na população brasileira sem que ela perceba?
Tudo indica que isto foi feito recentemente no Quênia (ver link abaixo) e penso que em várias nações inclusive no Brasil através de vacinas (contra rubéola por exemplo) contaminadas que fazem com que as mulheres vacinadas não consigam levar adiante a gravidez, provocando abortos. Quando houve a campanha contra a rubéola muitos desconfiaram e não quiseram tomar a vacina, porém ela foi administrada após os partos pelo SUS quando as mães estavam desprevenidas. Cuidado com vacinas pós-parto!
VER:
D. Aloísio questiona vacinação
Brasil livre da rubéola?
http://www.fides.org/pt/news/38686-AFRICA_QUENIA_Os_Bispos_reiteram_a_vacina_antitetanica_e_um_programa_mascarado_de_controle_da_populacao#.VHNI4zTF_Q1
Foto de bebê com cerca de 8 semanas de gestação (quase 2 meses)
           
O DOM DA VIDA
A vida humana começa no momento da concepção, momento sagrado em que Deus dá a vida a um novo ser humano.
Com apenas 18 dia após a concepção o pequeno ser humano já possui um coração bombeando sangue a todo seu frágil corpinho e um cérebro que começa a se especializar cada vez mais. com apenas 8 semanas (quase 2 meses), o bebê já possui todos os sistemas corporais funcionando, até mesmo impressões digitais. MÃE, SEU BEBEZINHO possui um coração, possui um cérebro, possui uma alma, tem sentimentos, emoções como qualquer outro bebê já nascido e é SEU FILHO(A), inocente e indefeso. MÃE, AME SEU FILHO(A) E PROTEJA-O(A). 

terça-feira, 7 de outubro de 2014

O DOM DA VIDA

Foto de bebê com cerca de 8 semanas de gestação (quase 2 meses)
           
O DOM DA VIDA
A vida humana começa no momento da concepção, momento sagrado em que Deus dá a vida a um novo ser humano.
Com apenas 18 dia após a concepção o pequeno ser humano já possui um coração bombeando sangue a todo seu frágil corpinho e um cérebro que começa a se especializar cada vez mais. com apenas 8 semanas (quase 2 meses), o bebê já possui todos os sistemas corporais funcionando, até mesmo impressões digitais. MÃE, SEU BEBEZINHO possui um coração, possui um cérebro, possui uma alma, tem sentimentos, emoções como qualquer outro bebê já nascido e é SEU FILHO(A), inocente e indefeso. MÃE, AME SEU FILHO(A) E PROTEJA-O(A). 

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Frase de João Paulo II

"Não se deve permitir que a guerra provoque a desunião entre as religiões. Não podemos deixar que uma tragédia humana se transforme em catástrofe religiosa." São João Paulo II.

sábado, 9 de agosto de 2014

Mensagem URGENTE DO PAPA

09/08/2014
Peço a todas as paróquias e comunidades católicas que, neste final de semana, dediquem uma oração especial aos cristãos do Iraque. PAPA FRANCISCO. Fonte - www.news.va (Vaticano)

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

DEFENDA A VIDA

DEFENDA A VIDA! Acesse aqui: PRÓ-VIDA ANÁPOLIS

3 PASSOS PARA ESCOLHER O CANDIDATO

Três passos para escolher o candidato (votar é uma questão moral) O bispo Thomas John Paprocki, da diocese de Springfield, Illinois, EUA, recomenda: “Pense e ore sobre o seu voto na próxima eleição”[1]. Em sua nota, ele fala explicitamente que o Partido Democrata apoia o aborto e o casamento de pessoas do mesmo sexo, que são intrinsecamente maus. Dom Paprocki não se sente no direito de se omitir para não parecer que está fazendo política partidária: “Minha tarefa não é dizer em quem se deve votar. Mas eu tenho o dever de falar sobre questões morais. Eu estaria abdicando desse dever se permanecesse em silêncio por medo de parecer ‘político’ e não dissesse nada sobre a moralidade dessas questões”. O outro grande partido, o Partido Republicano, também tem em seu meio aqueles que defendem tais pecados, “mas suas posições não têm o apoio oficial de seu partido”. O bispo afirma ter lido a plataforma do Partido Republicano e não ter encontrado “nada que promova um mal intrínseco ou um pecado grave”. Foi também por questões morais, e não partidárias, que em 26 de agosto de 2010 a Comissão Representativa dos Bispos do Regional Sul 1 da CNBB acolheu e recomendou a ampla difusão do “Apelo a todos os brasileiros e brasileiras”, elaborado pela Comissão em Defesa da Vida do Regional Sul 1, advertindo os eleitores sobre o compromisso do Partido dos Trabalhadores com a causa abortista. Não basta dizer: “Neguem seu voto aos Partidos comprometidos com o aborto”. É preciso informar aos eleitores quais são esses Partidos. I. O primeiro passo é examinar o Partido a que pertence o candidato. Os partidos que se dizem comunistas ou socialistas são incompatíveis com a Doutrina Social da Igreja: “Socialismo religioso, socialismo católico são termos contraditórios: ninguém pode ser ao mesmo tempo bom católico e verdadeiro socialista” (Pio XI, Quadragesimo Anno, n.º 119). “Entre comunismo e cristianismo, o Pontífice [Pio XI] declara novamente que a oposição é radical. E acrescenta não poder admitir-se de maneira alguma que os católicos adiram ao socialismo moderado” (João XXIII, Mater et Magistra, n.º 31). “O erro fundamental do socialismo é de caráter antropológico. De fato, ele considera cada homem simplesmente como um elemento e uma molécula do organismo social” (João Paulo II, Centesimus Annus, n.º 13). Eis a lista dos partidos brasileiros que se declaram comunistas ou socialistas: Partido dos Trabalhadores (PT)[2] - 13 Partido Comunista Brasileiro (PCB) - 21 Partido Popular Socialista (PPS), sucessor do PCB - 23 Partido Comunista do Brasil (PC do B) - 65 Partido da Causa Operária (PCO) - 29 Partido Democrático Trabalhista (PDT) - 12 Partido da Mobilização Nacional (PMN) - 33 Partido Pátria Livre (PPL) - 54 Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) - 50 Partido Socialista Brasileiro (PSB) - 40 Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) - 16 Partido Verde (PV)[3] - 43 Exclua, portanto, os candidatos cujos números começam por 13, 21, 23, 65, 29, 12, 33, 54, 50, 40, 16 e 43. E quanto às coligações? Pode ser que um candidato pertença a um partido bom, mas coligado com um dos partidos acima. Isso não impede que você vote nesse candidato. A coligação se faz para cálculo do coeficiente partidário, mas não significa que os candidatos de um partido bom estejam comprometidos com a plataforma de um partido mau. II. O segundo passo é examinar a atuação passada de seu candidato. Se o seu candidato já foi parlamentar, verifique como foi seu voto em questões relativas à vida e à família. Por exemplo: 1) Verifique se em 02/03/2005 ele foi um dos deputados que votou contra ou a favor do artigo 5º da Lei de Biossegurança, que permite a destruição de embriões humanos. 2) Verifique se em 13/08/2008 ele foi um dos deputados que assinaram o Recurso 0201/08, de José Genoíno, solicitando que o projeto abortista PL 1135/91 não fosse arquivado, mas primeiro fosse apreciado pelo plenário da Câmara. 3) Verifique se em 28/05/2009 ele foi um dos deputados que assinaram a PEC 367/2009, pretendendo dar um terceiro mandato (pró-aborto) ao presidente Lula. 4) Verifique se em 19/05/2010 ele foi um dos deputados que votaram contra o Estatuto do Nascituro na Comissão de Seguridade Social e Família. III. O terceiro passo é verificar o compromisso do candidato para o futuro. Há uma lista de candidatos que se comprometeram a defender a vida em http://www.brasilsemaborto.com.br/?action=campanha&;cache=0.1641827216371894 Mas atenção: só devemos dar o terceiro passo depois de ter dado os dois primeiros. Não adianta, por exemplo, que um candidato pertencente a um partido comprometido com o aborto, venha depois assinar um compromisso pela vida. Cuidado com o voto nulo! Anular o voto pode trazer alguma satisfação psicológica, mas acaba por contribuir para o aumento do mal que se quereria evitar. Os votos nulos, assim como os brancos, não são computados (art. 77, §2º, CF). Mas eles acabam contribuindo para eleger o candidato mais popular. Para exemplificar: se dentre 1000 pessoas, nenhuma tiver votado branco ou nulo, todos os votos serão válidos e ganhará o candidato que receber mais de 50% dos votos, ou seja, 501 votos. Mas se dentre essas 1000 pessoas, 50 tiverem votado branco ou nulo, significa que teremos apenas 950 votos válidos. Portanto, o mesmo candidato será eleito se alcançar 476 votos. Isso vale especialmente para o segundo turno, se estivermos diante de dois candidatos insatisfatórios. O único meio de se impedir a vitória do pior deles é votar no seu adversário.
 Anápolis, 4 de outubro de 2012.
 Pe. Luiz Carlos Lodi da Cruz
 Presidente do Pró-Vida de Anápolis
 [1] http://ct.dio.org/bishops-column/59-think-and-pray-about-your-vote-in-upcoming-election/text.html
 [2] O PT, além de se declarar socialista, exige de seus candidatos um compromisso com o aborto.
 [3] O PV não se declara socialista, mas em seu Programa defende o homossexualismo e a legalização do aborto.
 Fonte www.providaanapolis.org.br/index.php/todos-os-artigos/item/262-tres-passos-para-escolher-o-candidato

quinta-feira, 24 de julho de 2014

DEUS É AMOR

Deus é inefável, mas a bíblia nos revela a essência divina: Deus é amor!